Reunião foi realizada nesta quarta-feira (10)

Participaram do encontro representantes da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras do Estado do Maranhão (Fetaema) e Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (Contag). 

Na condição de presidente do Consórcio da Amazônia Legal, o governador Flávio Dino sugeriu a formatação de um projeto único, que envolva as entidades representativas de todos os nove estados da Amazônia Legal, para comercializar conjuntamente produtos da agricultura familiar amazônica.

Além disso, o governador Flávio Dino também solicitou o envio de projetos de bioeconomia para o Consórcio, uma vez que há a possibilidade de fundos internacionais voltarem a incentivar o desenvolvimento sustentável na Amazônia após o mês de abril.

“É muito importante que as entidades apresentem projetos de agroecologia, bioeconomia, extrativismo, abrangendo a pluralidade da Amazônia, com os povos quilombolas, indígenas e ribeirinhos, para tentarmos captar os financiamentos. Temos espaço para isso. O Consórcio pode ser um mediador entre os projetos e as fontes de financiamento”, disse Flávio Dino.

O presidente da Contag, Aristides Santos, agradeceu o espaço de discussão oferecido pelo governador Flávio Dino às entidades. “Nós queremos nos somar ao ambiente da Amazônia Legal, com a estratégia que a gente entende que pode dar espaço à sociedade e às nossas necessidades”, afirmou.

Post a Comment

Deixe aqui seu comentario: