Marcello Diaz

Nós deixou na tarde deste domingo (6), o poeta e cantador de toadas do Boi de São José de Ribamar, João Costa Reis aos 78 anos, o João Chiador. Ele estava internado no Hospital do Servidor, mas foi liberado para ir para casa, onde sofreu uma parada cardiorrespiratória.

João Chiador teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC) em novembro do ano passado e chegou a ficar vários dias internado no Hospital Carlos Macieira, em São Luís. Contudo, se recuperou e voltou para casa.

O velório de Chiador acontece na Pax União, no Centro de São Luís. O enterro será realizado na manhã desta segunda-feira (7), no cemitério Jardim da Paz, localizado na MA-201, em São José de Ribamar.

João Chiador já foi amo do Boi da Maioba por 32 anos, e estava no Boi de Ribamar desde 1993. Ele é considerado um ícone do ‘Bumba Meu Boi’ do Maranhão por ter contribuído com a criação de toadas “Cidades dos Azulejos”, “Nossa Senhora de Aparecida” e muitas outras.

Post a Comment

Deixe aqui seu comentario: